Home Política Estação de trem lotada é bombardeada pelos russos

Estação de trem lotada é bombardeada pelos russos

794
0

Após EUA, Reino Unido também sanciona filhas de Putin
Alvo de sanções dos Estados Unidos, as filhas mais velhas do presidente da Rússia, Vladimir Putin, entraram também na lista de sancionados pelo Reino Unido .

Maria Putina, médica, e Katerina Tikhonovna, matemática e dançarina de rock acrobático, são pouco conhecidas e têm suas vidas bastante preservadas pelo Kremlin. Ambas tiveram seus bens congelados pelo governo do Reino Unido. Na quinta-feira (7), os Estados Unidos fizeram o mesmo.
O governo do Reino Unido afirmou que o objetivo das sanções é fechar o cerco ao “estilo de vida” do círculo íntimo de Putin.
há 1 hora
Mapa mostra as últimas atualizações da invasão da Rússia na Ucrânia

Ataque a uma estação de trem em Kramatorsk deixou pelo menos 50 mortos. Dois mísseis atingiram o local que estava lotado.
Sobe para 50 o número de mortos em ataque a estação de trem no leste da Ucrânia, diz governo local
Subiu para 50 o número de pessoas mortas após dois mísseis atingirem uma estação de trem na cidade de Kramatorsk nesta sexta-feira (8), segundo informou o governo local.

Kramatorsk fica na região leste da Ucrânia, onde, segundo Kiev, o governo da Rússia planeja grandes ataques para os próximos dias. Desde o início da semana, o governo ucraniano vem pedindo para que a população da região deixe suas cidades.

No momento do ataque à estação, cerca de 4 mil pessoas estavam no local tentando embarcar em trens.

Além das vítimas fatais, há mais de cem feridos, de acordo com as autoridades da região.
há 2 horas
Agência de refugiados da ONU afirma que número de refugiados deixou de crescer muito, mas aqueles que se libertaram agora passaram por condições terríveis
A Agência de refugiados da ONU (ACNUR) disse que mais de 4,3 milhões de ucranianos fugiram do país desde que a guerra começou em 24 de fevereiro, um aumento de mais de 60 mil em relação aos números desta quarta-feira. Esse número inclui 22.957 pessoas que foram para a Rússia desde 29 de março, seguindo números atualizados de Moscou, conforme informado pela AFP.

“A guerra na Ucrânia desencadeou uma das crises humanitárias e de deslocamentos de mais rápido crescimento de todos os tempos. Embora o ritmo de chegadas esteja diminuindo, os fluxos gerais continuam, dadas as hostilidades em andamento. Por outro lado, quem saiu agora passou por semanas encolhidos em casas e abrigos”, disse o porta-voz do ACNUR, Matt Saltmarsh.
há 3 horas
Governo de Donetsk afirma que Rússia usou bomba de fragmentação, proibida pela ONU, em ataque a estação de trem

O governador da região de Donetsk, Pavlo Kyrylenko, afirmou nesta sexta-feira (8) que a Rússia utilizou bomba de fragmentação, proibida por uma convenção da ONU, no ataque a uma estação de trem em Kramatorsk, no leste da Ucrânia nesta manhã.

Ao menos 39 pessoas morreram e mais de cem ficaram feridas, segundo o governo local.

As bombas de fragmentação contêm várias mini-bombas dentro que se espalham quando liberadas pela bomba principal, indo para todos os lados em uma velocidade muito alta. Em 2008, a ONU proibiu o uso desse tipo de armamento em uma convenção, mas a Rússia não é signatária do tratado.

Moscou negou autoria do ataque à estação e alegou que suas tropas não tinham “missões” agendadas na região

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here